S.O.S. LUCAS


Hipóxia prolongada –

Falta de Oxigênação por um longo período de tempo, causando falência nos órgãos. No Caso de Lucas, a lesão foi cerebral, devido ao tempo em que ficou em parada cardio-respiratória.

 

O drama de uma família de Limeira, interior de SP, para realizar um tratamento na China, um transplante de células-tronco, estimado em R$ 150 mil.

Lucas Henrique Babolim, hoje com sete anos, foi internado na Santa Casa de Limeira em dezembro de 2007.

O que seria uma simples cirurgia de um pé quebrado terminou em tragédia quando o garoto sofreu uma parada cardiorrespiratória e entrou em coma. Segundo a família, houve negligência médica e o caso está na Justiça.

Completamente imóvel, o garoto respira hoje por meio de uma traqueostomia e se alimenta por uma sonda.
O custo mensal do tratamento, que inclui uma enfermeira permanente, varia entre R$ 3 e 4 mil.

COMUNIDADE NO ORKUT:
 http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=85262197&mt=5
LEIA TAMBÉM:
http://www.juntospelavida.com.br/

 

Anúncios

Uma resposta to “S.O.S. LUCAS”

  1. Sandra Domingues Says:

    Depois de 8 meses de Campanha para salvar a vida do pequeno Lucas Henrique Babolim, vimos nossa luta e sonho ir por água abaixo.
    O pequeno Lucas não embarcou para à China..ele embarcou para o Céu e como anjo que era voltou aos braços do Pai.
    O pequeno teve uma parada respiratória na madrugada do na véspera da viagem e dia dos pais e faleceu por volta das 02:30 da manhã do dia 09/08.
    Isso talvez não tivesse acontecido se a família tivesse conseguido arrecadar o valor do tratamento e embarcarem em julho, como era previsto inicialmente.
    A família conseguiu arrecadar o valor total do tratamento no dia 08/08, no dia 10/08 eles embarcariam para à China, mas no dia 09/08 o pequeno Lucas faleceu.
    Aos familiares e amigos fica a dor e a certeza de que se houvesse mais amor ao próximo e preocupação das autoridades, esse menino, lindo, estaria vivo !
    Que o pequeno Lucas possa descansar em paz e a mim que tive o privilégio de conhecê-lo e ama-lo só posso dizer: Lucas…não é adeus é até breve. Vou te amar para sempre.

Comentários encerrados.


%d blogueiros gostam disto: